quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Três estádios estão liberados para o início do Campeonato Brasiliense

Após análise das condições estruturais e de segurança, Augustinho Lima, Abadião e Bezerrão poderão receber jogos e público no Candangão

Estádio Augustinho Lima, em Sobradinho
Três dos cinco estádios do Distrito Federal previstos para a disputa do 41º Campeonato Brasiliense de Futebol estão liberados para jogos e público a partir do fim de semana. O Augustinho Lima, em Sobradinho, o Maria de Lourdes Abadia (Abadião), em Ceilândia, e o Walmir Campelo Bezerra (Bezerrão), no Gama, receberam os laudos técnicos que permitem a realização das partidas e a abertura dos portões para a torcida. Nesta semana, os espaços passaram por inspeção do Corpo de Bombeiros Militar, da Polícia Militar, da Subsecretaria de Proteção e Defesa Civil, vinculada à Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social, e da Vigilância Sanitária.

Desde setembro do ano passado, as arenas passam por reparos necessários ao funcionamento. Durante a disputa da segunda divisão do futebol local, em setembro e outubro de 2015, o Augustinho Lima e o Abadião ficaram interditados para o torcedor por medida de segurança.

A Vice-Governadoria acompanha as reformas e as inspeções nos espaços esportivos. De acordo com o assessor Marcelo Cruz, responsável direto pelos trabalhos nos estádios, os laudos têm prazos diversos de vencimento e, por esse motivo, eventualmente faltava a avaliação de algum órgão.

Força-tarefa
Cruz ressalta que houve uma força-tarefa para entregar as reformas antes do início do campeonato. "Contamos com o apoio do SLU [Serviço de Limpeza Urbana], da Novacap [Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil] e com a articulação dos administradores regionais e dos dirigentes dos clubes com os empresários locais", conta. Segundo ele, essa parceria garantiu que as reformas não afetassem os cofres públicos.

Os ajustes dizem respeito a pintura, limpeza e conservação, retirada de entulho, adequação de corrimãos, acessibilidade, reparos elétricos e hidráulicos e adaptação de equipamentos de segurança e de combate a incêndio.

No Augustinho Lima, uma das exigências era a ativação do para-raios. Segundo a administração regional de Sobradinho, o equipamento estava à disposição, mas foi necessária uma parceria com o Sobradinho Esporte Clube, que trouxe um engenheiro para fazer os ajustes e religar o dispositivo.

O Elmo Serejo Farias (Serejão), em Taguatinga, não está na primeira rodada do Campeonato Brasiliense, mas há a previsão de uso do campo. O estádio tem cerca de 40% da reforma concluída. "A partir da próxima semana, vamos concentrar nossas atenções nesse local", afirma o assessor da Vice-Governadoria.

Mané Garrincha
O Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha ainda não está disponível para receber as partidas, pois passa por replantio de 10% do gramado. De acordo com a Secretaria-Adjunta de Turismo, da Secretaria de Economia, Desenvolvimento Sustentável e Turismo, a arena tem características de sombreamento particulares. O campo tem combinação entre gramas de verão e de inverno. O plantio da grama de verão está em execução. O estádio deve ficar liberado a partir de 5 de fevereiro.

Onde jogar
A Federação Brasiliense de Futebol destaca que fica a critério do time mandante escolher onde jogar, mas é preciso definir a tabela com pelo menos 72 horas de antecedência. De acordo com o diretor Neimar Frota, a cobrança, os valores e os pontos de vendas dos ingressos são de responsabilidade do mandante da partida.

Além desses, a Federação Brasiliense de Futebol conta com estádios fora do DF: o Diogo Francisco Gomes (Diogão), em Formosa (GO); o Zequinha Roriz (Serra do Lago), em Luziânia (GO); e o Frei Norberto, em Paracatu (MG).

De acordo com a tabela da competição, 12 equipes disputam o título e a premiação de R$ 150 mil oferecida pela federação. O campeão garante vaga para as duas próximas edições da Série D do Campeonato Brasileiro. A Confederação Brasileira de Futebol ainda não confirmou a quantidade de vagas, mas o torneio local também dá direito à participação na Copa do Brasil e na Copa Verde do ano que vem.

Campeonato Brasiliense de Futebol

1ª Rodada

Sábado, 30 de janeiro

Sobradinho x Formosa
Às 16 horas
No Augustinho Lima

Ceilândia x Cruzeiro
Às 16 horas
No Abadião

Brasília x Atlético Taguatinga
Às 16 horas
No Serra do Lago

Domingo, 31 de janeiro

Luziânia x Paracatu
Às 16 horas
No Serra do Lago

Brasiliense x Santa Maria
Às 16 horas
No Abadião

Gama x Planaltina-GO
Às 16 horas
No Bezerrão

Publicidade

Publicidade

Arquivo