terça-feira, 7 de junho de 2016

Vilmar Rocha: “Anotem: base aliada não vai unir no primeiro turno”

Depois de dizer que a obra do VLT não sairá do papel no governo Marconi, o secretário do Meio Ambiente, Cidades, Infraestrutura e Assuntos Metropolitanos, Vilmar Rocha (PSD), voltou a cometer um "sincericídio": afirmou categoricamente que não vai haver união na base aliada, no primeiro turno da eleição para prefeito em Goiânia, em hipótese alguma

"Eu garanto: não vai haver união da base aliada no primeiro turno, em hipótese alguma, aqui na capital. O PSD tem candidato próprio de qualquer forma, o PSDB também e provavelmente o PTB também", afirmou Vilmar em entrevista a jornalistas. Faltou ainda a Vilmar citar dois outros candidatos da base de Marconi: Vanderlan Cardoso (PSB), neoaliado de Marconi, e do Delegado Waldir, outrora mais próximo do governador, mas que faz parte do PR, presidido pela aliada Magda Mofatto.

Publicidade

Publicidade

Arquivo