As novas cidades beneficiadas serão Samambaia, Riacho Fundo I e II, Núcleo Bandeirante e Recanto das Emas.

A Comissão Especial de Licitação do GDF abriu, nesta quinta-feira (28), os envelopes das duas empresas habilitadas para concorrer ao novo Sistema de Transporte Público Coletivo (STPC) do Distrito Federal. Estão na disputa o Consórcio HP-ITA, de Goiás, e a Auto Viação Marechal Ltda, de Curitiba.  No prazo de até 10 dias, as propostas financeiras serão analisadas pela Comissão. Vencerá a licitação aquela que oferecer o menor preço.

A comissão também devolveu os envelopes das oito empresas não aprovadas para disputar a concorrência. Em fevereiro deste ano, as 11 empresas interessadas em operar as bacias 1, 3 e 4 (veja abaixo a relação de regiões atendidas) apresentaram suas propostas, mas apenas a curitibana e a goiana tiveram a documentação aprovada para o processo licitatório da bacia 3. A Viação Piracicabana, de Piracicaba (SP), é a única habilitada à administração da bacia 1.

Essa nova etapa é um marco importante para os usuários do transporte público do DF. É a primeira vez em 50 anos que haverá uma licitação para o serviço de transporte público – em todas as outras ocasiões, as empresas eram escolhidas por meio de concessão, sem concorrência. E 80% dos serviços estavam concentrados em apenas três empresas. Com a implementação do novo modelo, a população poderá contar com uma frota de 3 mil ônibus mais confortáveis, equipados com TV de informação, câmeras de monitoramento e acessibilidade, como elevadores para deficientes físicos.

Bacias contratadas – O GDF assinou, em dezembro de 2012, os contratos das bacias 2 e 5. As vencedoras foram a Viação Pioneira e a Expresso São José, únicas 
empresas habilitadas na fase de apresentação de documentos e propostas financeiras.

Confira as cidades atendidas pelas bacias:

Bacia 1: Brasília, Sobradinho, Planaltina, Cruzeiro, Sobradinho II, Lago Norte, Sudoeste/Octogonal, Varjão e Fercal.
Bacia 2: Gama, Paranoá, Santa Maria, São Sebastião, Candangolândia, Lago Sul, Park Way, Jardim Botânico e Itapoã.

Bacia 3: Núcleo Bandeirante, Samambaia, Recanto das Emas, Riacho Fundo I e II.

Bacia 4: parte de Taguatinga e do Park Way, Ceilândia, Guará e Águas Claras.
Bacia 5: Taguatinga, Brazlândia, Ceilândia, SAI, SCIA e Vicente Pires.