Depois de lançado oficialmente na sexta-feira, no Parque Ecológico de Luziânia, nessa segunda, 16 de março, foi a vez do Distrito do Jardim Ingá receber o projeto “PLANTE UMA ÁRVORE”, sob coordenação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente


A solenidade de lançamento no distrito foi realizada na Escola Municipal Kelly Susan Santos, com a presença da prefeita municipal, professora Edna Aparecida, e contou com a participação da comunidade, de secretários municipais, técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos e vereadores.

A comunidade esteve presente, mas a festa mesmo foi dos alunos das turmas do Infantil I e do 3º ano, comandadas pelas professoras Joseima Laurentino, Marta Regina e Maria Madalena, que não viam a hora de botar a mão na terra para plantar suas mudas.

O PROJETO

O projeto “PLANTE UMA ÁRVORE”, consiste num programa de arborização urbana que conta para sua plena execução com a participação da comunidade, e tem por objetivo o plantio de árvores em praças, parques, nas calçadas de vias públicas e nas alamedas, e pretende se constituir numa relevante atividade ambiental de gestão urbana.

“A arborização urbana integra o meio ambiente natural, fazendo parte do patrimônio natural de qualquer cidade. É fundamental termos uma cidade verde, arborizada, que trará consequências positivas no controle do clima e da segurança ambiental do município”, afirmou a prefeita.

PARTICIPAÇÃO

Os moradores que quiserem receber mudas de árvores para realizarem o plantio em suas casas e calçadas, devem procurar a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, preenchendo um formulário no site da prefeitura – www.luziania.go.gov.br. Além das mudas, os interessados receberão todas as informações técnicas sobre o tipo de árvore escolhida, modo de plantio e conservação, entre outros.

As árvores existentes ao logo das vias públicas não podem ser excluídas do complexo de áreas verdes das cidades, pois propiciam os mesmos efeitos das áreas consideradas como verdes das praças e parques. Ademais, estas árvores estão protegidas pela legislação ambiental contra cortes, de forma que sua localização acaba sendo perene, fortalecendo o entendimento de que compõem efetivamente a “massa verde urbana” do município.

Colabore. Aja com cidadania. Plante uma árvore em frente ao seu imóvel residencial ou comercial.