O atual prefeito de Valparaíso de Goiás, Pábio Mossoró (MDB), foi vitorioso na campanha eleitoral e está reeleito para comandar o município goiano que integra a Região Integrada de Desenvolvimento do Entorno (Ride) por mais quatro anos. Ele concorria com outros sete postulantes que também tinham o objetivo de chefiar o Executivo municipal

Foto: Renato Alves.

A deputada estadual Lêda Borges, do PSDB, rompeu com o prefeito de Valparaíso de Goiás, Pábio Mossoró, do MDB. Seus aliados chegaram a sugerir que, sem a parlamentar, o gestor municipal não iria longe.

Humilde, com seu estilo diplomático, Pábio Mossoró optou por não perder tempo brigando com Lêda Borges. Decidiu que precisava continuar trabalhando pelo bem do povo de Valparaíso.

Enquanto Lêda Borges desagregava, Pábio Mossoró agregava, conquistando novos apoios, entre eles o do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, do partido Democratas. Um dos mais importantes aliados do prefeito é o deputado federal Célio Silveira, do MDB. Ele conta com o apoio de vários deputados federais, como Flávia Morais, do PDT, Glaustin da Fokus, do PSC, e José Nelto, do Podemos.

Resultado da diferença de estilo de encarar a vida e a política: Pábio Mossoró foi reeleito. Ele acreditou que poderia vencer e trabalhou para isto.

Como Pábio Mossoró vai lançar candidato a deputado estadual, para conquistar um parlamentar que realmente represente Valparaíso, Lêda Borges terá dificuldade de se reeleger. Assim como Marconi Perillo, que planeja disputar mandato de deputado federal, perde força no município.