Faltam apenas 3 semestres para as eleições de 2022. Viu que não está tão longe? E para quem perdeu em 2020, o tempo está mais curto ainda. Como pretende alimentar seu capital político conquistado ano passado? Afinal, você se expôs falando de propostas, e de sua vontade em fazer algo bom pela cidade. Não pode sumir agora.

E o mundo não vai parar até julho de 2022, pois a aceleração digital provocada pela pandemia nos mostrou que as eleições nunca mais serão como antes. Então, quanto as redes sociais irão influenciar o voto? Muito, multiplica aí e estica mais um pouquinho. Na última eleição vi muitos candidatos desesperados buscando configurar, na última semana, o Facebook para impulsionar publicações e ter mais alcance para pedir votos. A hora é agora de arrumar sua casa digital e não repetir os mesmos erros.

Rede Social é lugar de cativar seu público, gerar proximidade. E não tem mistério, basta ter compromisso em estar aqui sempre postando seus projetos, dicas, curiosidades, serviços de utilidade pública e vídeos. Vídeos nos stories, no Facebook, Instagram, You Tube, no Status.... Isso tudo vai mostrar às pessoas que você está interessado em colaborar com a cidade. Vai atrair mais seguidores e seu espaço para conversar com os eleitores on-line irá aumentar. Nada de preguiça, ou depois eu faço. Quem deixa para depois, perde eleição, perde oportunidades. Construa agora esta história no mundo digital e com certeza chegará mais forte na próxima corrida eleitoral. 


Hellen Quida 
Palestrante e Consultora em Marketing Político Digital
hellen.quida@gmail.com