O investimento na produção do insumo indispensável na manufatura do MDF é mais um passo em direção à autossuficiência da marca

Fábrica da Greenplac em Água Clara, Mato Grosso do Sul. (Foto: Divulgação)

Desde o início de suas atividades, em 2018, a Greenplac não desacelerou em sua jornada para conquistar cada vez mais espaço no mercado de produção de MDF brasileiro. Hoje, estabelecida entre os grandes players do ramo no país e presente em mais de 180 pontos de venda, a marca investiu na autossuficiência de seus processos com uma nova fábrica de formol.

Em instalação dentro da planta industrial da Greenplac, em Água Clara (MS), desde o final do ano passado, a fábrica passou por uma intensa fase de testes ao longo dos primeiros meses de 2021 e, em maio, deu início às suas atividades. Em junção a ampliações no cultivo de eucalipto certificado, a implantação da fábrica de Resina e a aquisição de uma prensa de revestido, os investimentos, somados, resultaram no aumento da capacidade de produção de 250 mil/m³ para 300mil/m³ de MDF ao ano.

"Sabemos que matéria prima de qualidade influencia diretamente o produto final que chega aos lares e lojas de nossos parceiros e clientes. Por isso, com as novas fábricas de resina e formol, reforçamos ainda mais a qualidade do processo produtivo", declarou Valmir Souza, diretor da Greenplac. "Além disso, com a instabilidade do mercado ao longo do último ano, esses investimentos colocam a Greenplac em uma posição de maior segurança, capaz de garantir o fornecimento dos insumos necessários para nossa produção", acrescentou Souza.

Greenplac, de José Roberto Colnaghi, investe em fábrica de produção de formol. 
Valmir Souza, diretor da Greenplac. (Foto: Divulgação)

A evolução e aprimoramento do complexo fabril da marca não parou por aí. A nova prensa de revestido, com capacidade de produção de 6 mil metros cúbicos por mês, já foi implantada e está em pleno funcionamento. "Pensando na excelência e eficiência de cada aspecto da produção, aumentamos, também o espaço da expedição e armazenagem para mais 8.500 m², facilitando assim a entrada e saída dos caminhões de produtos e agilizando o transporte de insumos e entrega de MDF da fábrica", revelou Valmir Souza.

Em julho, o espaço de produção passará por novas atualizações de maquinário, com a instalação de uma impregnadora. "Acreditamos que a partir do segundo semestre, teremos mais esse diferencial que irá nos proporcionar uma maior autossuficiência e, ainda, mais competitividade no mercado", garantiu o diretor.

Além da autossuficiência que a verticalização dos processos proporcionará à empresa de MDF, todas essas novidades e mudanças servem para que a marca possa investir na criação de mais produtos e no aumento de sua posição estratégica em cada ponto de venda. "Outro destaque sobre o investimento em aplicações é a possibilidade de expandir nossa atuação para regiões onde a Greenplac ainda não tinha presença. Com a verticalização do processo produtivo ganhamos competitividade e melhoramos também o nível de serviço, o que naturalmente tende resultar em um crescimento comercial sustentável para a Greenplac", concluiu Valmir.

Asperbras

A Asperbras, dos irmãos Francisco e José Roberto Colnaghi, começou sua história com o talento e a perseverança do pai Francisco Colnaghi que, em 1966, ao fundar uma empresa de implementos agrícolas em Penápolis, cidade do interior de São Paulo, deu a largada para o desenvolvimento de um grupo empresarial baseado no compromisso com a qualidade, dedicação em tempo integral e responsabilidade na prestação de serviços. Menos de vinte anos depois, a empresa já era reconhecida em todo o Brasil com a estratégia de investir na fabricação de tubos e conexões de PVC para irrigação agrícola, e de lá para os dias de hoje, a Asperbras se transformou em um dos mais importantes grupos empresariais brasileiros. Hoje, a Asperbras é reconhecida também por atuar nas áreas de engenharia industrial, gerenciamento e montagem de projetos industriais em diversos segmentos, na construção e incorporação imobiliária, e nos setores de alimentos, agronegócio, mineração e geração de energia. O Grupo mantém suas estruturas societárias nacionais e internacionais desvinculadas e independentes, atuando em quase todo Brasil e em três continentes, África, Europa e América do Sul. São mais de três mil profissionais que trabalham em programas, projetos e obras nos principais segmentos da economia mundial. Para o atendimento dos projetos de adução de água e esgoto no Norte e Nordeste, a Asperbras tem duas plantas industriais, sendo uma na Bahia e outra no Rio Grande do Norte. Nos estados de São Paulo, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul atua no segmento de Agronegócio.

Assessoria de Comunicação
Escritório de Consultoria e Comunicação ECCO
Izabella Arouca
(11) 3888-1144
izabella@ecco.inf.br