Diretor de Comunicação e Tecnologia da OAB DF, na atual gestão Délio, será investigado por facilitar a contratação da empresa Webvoto Tecnologia

Essa empresa é a mesma que passou por problemas jurídicos e suspeita de fraude eleitoral (veja a matéria aqui).

A mesma que foi contratada para executar as eleições virtuais da OAB DF no dia 21 de novembro próximo. Faltando uma semana para o pleito somente agora a empresa disponibilizou como será o sistema e as regras para votação. Nos bastidores corre a suspeita, inclusive de uma empresa concorrente, que o Dr. Felipe Abdala tenha favorecido a Webvoto e que o orçamento mais baixo tenha sido descartado. 

Por outro lado, o Portal de Transparência da OAB DF não traz o assunto e tão pouco os detalhes, o que aumenta ainda mais a suspeita. Como a votação ainda não aconteceu o mercado espera o desenrolar dessa história para aprofundar nas investigações do serviço prestado e do valor acertado.