Goiás tem 4 municípios entre as maiores economias do país

Goiânia ocupa a 15ª posição no ranking nacional, com um PIB superior a R$ 59 bilhões (Foto: Divulgação)
Goiânia ocupa a 15ª posição no ranking nacional, com um PIB superior a R$ 59 bilhões (Foto: Divulgação)

Quatro municípios goianos integram a lista das 100 maiores economias do País, segundo Boletim divulgado pelo Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (IMB), vinculado à Secretaria-Geral de Governo, com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com a consolidação do Produto Interno Bruto dos Municípios do ano de 2021.

Goiânia ocupa a 15ª posição no ranking nacional, com um PIB superior a R$ 59 bilhões. Também aparecem no ranking os municípios de Anápolis (75ª colocação); Aparecida de Goiânia (80ª) e Rio Verde (82ª).

MAIORES ECONOMIAS

As dez maiores economias do estado em 2021 foram: Goiânia (R$59,8 milhões); Anápolis (R$ 17,8 bilhões); Aparecida de Goiânia (16,9 bilhões); Rio Verde (R$16,3 bilhões); Catalão (R$9,9 bilhões); Jataí (R$7,9 bilhões); Luziânia (R$5,4 bilhões); Itumbiara (R$ 5,3 bilhões); Senador Canedo (R$ 4,8 bilhões) e Cristalina (R$4,6 bilhões). Somados, os municípios representam 55,3% do PIB goiano no ano de 2021.

"O boletim desenvolvido pelo IMB fornece uma visão detalhada do panorama econômico local. As informações contidas no documento podem servir para orientar investimentos, formular políticas públicas, bem como contribuir para gestões mais eficientes e participativas, que busquem o progresso econômico em todas as regiões do Estado", destaca o diretor-executivo do IMB, Erik Figueiredo.

VALOR ADICIONADO

Goiás possui nove municípios entre os 100 maiores valores adicionados (VAs) da agropecuária do Brasil, que juntos representam 35,3% do total do estado. São eles: Rio Verde (6º); Jataí (10º); Cristalina (12º); Montividiu (47º); Mineiros (58º); Catalão (66º); Paraúna (69º) Chapadão do Céu (85º) e Ipameri (88º). Esses municípios participam com 2,41% do total do VA da agropecuária no país.

Os dez maiores municípios segundo o Valor Adicionado da indústria foram: Goiânia; Anápolis; Catalão; Aparecida de Goiânia; Rio Verde; Itumbiara; Jataí; Luziânia; Senador Canedo e Barro Alto, que juntos representam 59,1% do total do Estado. Dois dos municípios citados estiveram entre os 100 maiores VAs da indústria do país (Goiânia e Anápolis).

Em relação ao VA da atividade industrial, Catalão obteve um ótimo desempenho e ultrapassou Aparecida de Goiânia e Rio Verde. A indústria de transformação foi o forte do município, com destaque para as atividades de farmacêuticos, químicos e automóveis.

Para o Valor Adicionado dos serviços, excedo administração pública, os dez maiores municípios foram: Goiânia; Aparecida de Goiânia; Anápolis; Rio Verde; Catalão; Jataí; Itumbiara; Luziânia; Senador Canedo; Valparaíso de Goiás. Eles representam 65,1% do total do Estado.

Confira o boletim da íntegra clicando aqui.
Editado por Kattia Barreto via Instituto Mauro Borges (IMB) - Governo de Goiás

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
GDF