Ministro defende modicidade tarifária e sustentabilidade do setor elétrico

Foto: Tauan Alencar/MME

Ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira afirmou que um dos principais desafios da pasta é equalizar a questão tarifária no Brasil, protegendo os consumidores mais frágeis


Por Ministério de Minas e Energia (MME)

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, recebeu nesta segunda-feira (29/01) associações e entidades do setor elétrico do país para apresentar e discutir as ações do governo visando a modernização e a sustentabilidade do setor. Silveira ressaltou a importância do diálogo e da participação dos representantes e reforçou a mensagem que o trabalho à frente da pasta visa garantir, além da segurança energética, a modicidade tarifária.

Segundo o ministro, o principal desafio é reorganizar e revisar as políticas do setor, com o objetivo de equalizar a questão tarifária, protegendo, principalmente, o consumidor mais fragilizado. Silveira afirmou que as mudanças passam necessariamente pela discussão da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE).

"A diversidade do setor elétrico no Brasil traz, com toda certeza, grandes benefícios para a geração de energia a partir de várias fontes, principalmente as limpas e renováveis. Mas isso também traz desafios para garantirmos a sustentabilidade do setor, alinhando a sustentabilidade com o desenvolvimento econômico. Por isso é tão importante este diálogo permanente com as entidades para buscarmos o máximo de convergência para reorganizar a 'colcha de retalhos' que o setor se tornou nos últimos anos com tantos subsídios. O Brasil é solo fértil para investimentos, mas não podemos abrir mão da segurança energética e da modicidade tarifária", afirmou o ministro.
Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
GDF