Goiás sedia conferência sobre mobilidade sustentável e safra sucroenergética


Sifaeg e Fieg promovem Conferência Transição Energética e Desenvolvimento


O Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol de Goiás (Sifaeg), em parceria com a Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) e com o apoio do Sebrae, promoverá em Goiânia, no dia 12 de abril de 2024, a Conferência Transição Energética e Desenvolvimento. O evento marca o início da safra sucroenergética em Goiás e tem a curadoria da DATAGRO, uma das principais consultorias globais especializadas em mercados agrícolas. Em pauta, estarão os cenários da transição energética e da mobilidade sustentável, as oportunidades para o etanol nos âmbitos nacional e internacional, bem como as perspectivas para a nova safra sucroenergética na região Centro-Sul.

Plínio Nastari, CEO da DATAGRO, ressalta que a produção sustentável de etanol, açúcar e bioeletricidade tem promovido desenvolvimento, progresso e qualidade de vida. "A cana é um painel solar biológico que captura energia do sol de forma extremamente eficiente, e práticas agrícolas avançadas tem capturado carbono no solo, aumentando sua fertilidade e capacidade de retenção de umidade. Tecnologias automotivas que utilizam essa energia limpa e aproveitam a infraestrutura de distribuição já existente fazem dessa iniciativa um exemplo mundial. Discutir, valorizar e alavancar novos avanços é o objetivo de mais esse importante encontro."

O evento acontecerá das 8 às 17 horas, no Auditório João Bennio, na Casa da Indústria, sede da Fieg. Estarão presentes autoridades federais, estaduais, municipais, empresários, líderes dos setores que compõem a cadeia sucroenergética, bem como representantes de entidades da agroindústria, entre outros.

Goiás é destaque

André Rocha, presidente-executivo do Sifaeg, destaca que a Conferência abordará a transição energética, evidenciando não apenas o vasto potencial futuro, mas também a realidade da produção sustentável de bioenergia no Brasil, especialmente em Goiás. "O setor sucroenergético goiano é uma notável vitrine e exemplo da evolução das usinas e destilarias para refinarias, onde ocorre a produção principalmente de alimentos, biocombustíveis e energia de maneira cada vez mais eficiente, contribuindo para a descarbonização do meio ambiente". O executivo ressalta ainda a importância que o setor tem tido na interiorização do desenvolvimento econômico e social em Goiás. "Temos oportunidades para avançar ainda mais, impulsionando o crescimento do nosso Estado e promovendo a melhoria da qualidade de vida de nossa sociedade".

Para o presidente da Fieg, Sandro Mabel, a conferência discutirá estrategicamente a competitividade do Brasil no setor de bioenergia. "Sem dúvida, são muitas as oportunidades, sobretudo para Goiás, que se destaca nacionalmente com números significativos de produção de cana-de-açúcar e de etanol. Temos uma fonte de energia limpa e sustentável, que contribui com a redução de emissões de gases de efeito estufa, diminui a dependência de combustíveis fósseis, promove a eficiência energética e incentiva o desenvolvimento econômico."

As inscrições são gratuitas, com vagas limitadas. Basta acessar o link:

SERVIÇO

Conferência Transição Energética e Desenvolvimento
Data: 12/04 (sexta-feira)
Horário: 8h às 17h
Local: Fieg - Casa da Indústria, auditório João Bennio
Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem