Janeiro Branco: A importância da Saúde Mental e Educação Emocional

 


Por Patricia Estrela, psicóloga e mestre em educação.

O mês de Janeiro, tradicionalmente associado à renovação e esperança, ganhou uma nova dimensão de significado com o advento do Janeiro Branco, uma campanha dedicada à conscientização sobre a saúde mental. Com uma carreira de 25 anos em treinamentos e desenvolvimento pessoal, e uma influência positiva na vida de milhares de jovens, Patricia Estrela afirma que se tornou mais evidente a necessidade de abordar a saúde mental de maneira proativa e intencional, especialmente em um cenário global acelerado e exigente que vivemos.

Recentemente, observou-se um aumento alarmante nos casos de depressão. Em todo o mundo, estima-se que mais de 300 milhões de pessoas, de todas as idades, sofrem com esse transtorno.

Onde, em casos mais graves, a depressão pode levar até ao suicídio, onde estima-se que cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio a cada ano.  O suicídio foi responsável por mais de uma em cada 100 mortes e 58% dos suicídios ocorreram antes dos 50 anos de idade, segundo a OPAS - Organização Pan-Americana da Saúde, sendo essa a segunda principal causa de morte entre pessoas com idade entre 15 e 29 anos.

Em 2019, a Organização Mundial da Saúde (OMS) reporta que quase um bilhão de pessoas – incluindo 14% dos adolescentes do mundo – viviam com um transtorno mental. Os transtornos mentais são a principal causa de incapacidade, causando um em cada seis anos vividos com incapacidade. Pessoas com condições graves de saúde mental morrem em média 10 a 20 anos mais cedo do que a população em geral.

No Brasil, o crescimento dessas condições entre os jovens é uma tendência preocupante, e tem sido um foco central da dedicação nos últimos anos da Escola de Educação Emocional Empreendedora Missão Teen.

A depressão na adolescência é um desafio especialmente preocupante. Dados sugerem que cerca de 20% dos adolescentes enfrentam algum tipo de problema de saúde mental até os 18 anos, com a depressão sendo um dos transtornos mais prevalentes. As transformações físicas e emocionais típicas desta fase da vida os tornam particularmente susceptíveis a desafios psicológicos.

Um fenômeno emergente é a "geração do quarto", caracterizada

por jovens que passam períodos extensos isolados em

seus quartos, muitas vezes imersos em realidades digitais.

 

Este isolamento pode incrementar o risco de sintomas depressivos, dada a reduzida interação social, atividade física além do afastamento familiar.

O uso excessivo de telas – seja em smartphones, computadores ou televisores – representa uma crescente preocupação. Estudos associam este comportamento com um aumento nos níveis de ansiedade e depressão entre os jovens.

 

A constante demanda por estímulos digitais pode resultar em sono inadequado,

redução da concentração e sensação de desconexão com o mundo real.

 

Além disso, o número de diagnósticos de Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG) vem crescendo, particularmente entre os jovens. Este transtorno, marcado por uma preocupação excessiva e difícil de controlar, pode afetar significativamente o desempenho escolar, as relações interpessoais e a saúde física dos adolescentes.

Como mentora de adolescentes e famílias, Patricia afirma

que a educação emocional é fundamental.

 

Iniciativas como os projetos “Desafio das Inteligências” e "Amor pela Família", realizados pelos mentores Missão Teen em colaboração da Câmara de Vereadores de Timbó/SC e das Secretarias da Família e Educação do GDF, respectivamente, ressaltam a importância da educação emocional para a promoção da saúde mental de adolescentes e famílias. A conclusão ao longo de 8 anos de projetos com mais de 18.000 famílias ministradas comprova que o envolvimento escolar, em conjunto com o suporte familiar, potencializa ainda mais os resultados quando se trata de Educação Emocional.

É crucial que a sociedade reconheça os sintomas de depressão e ansiedade não como sinais de fraqueza, mas como questões de saúde que exigem cuidado, atenção e muita empatia. Apesar do estigma ainda ser um grande obstáculo, campanhas como Janeiro Branco são passos vitais para alterar essa percepção.

O projeto social lançado em 2020, ano da pandemia, por meio de distribuição do livro-treinamento "Tem jeito e Vale a Pena", de autoria de Patricia Estrela, mentores e adolescentes participantes do projeto, exemplifica como o conhecimento, autoconhecimento e orientação podem ser transformadores.

No primeiro ano do projeto foram mais de 5.000 pessoas ajudadas gratuitamente, que por meio de inúmeras mensagens recebidas pelos leitores pode-se comprovar que iniciativas de educação emocional podem salvar vidas.

O livro foi baseado na exclusiva Metodologia STAR – Sistêmico Treinamento de Autoconhecimento Relacional, desenvolvida pela psicóloga e mestre em educação e políticas públicas Patricia Estrela, metodologia validada que vem gerando mudanças significativas através dos programas presenciais e online no Brasil e exterior.

Janeiro Branco transcende uma mera campanha de conscientização; é um chamado à ação. É imperativo promover um diálogo aberto sobre saúde mental e educação emocional, proporcionando suporte e acolhimento. Patricia Estrela e os mentores da Missão Teen  permanecem dedicados a disseminar essa mensagem, oferecendo orientação e apoio a adolescentes e famílias.

Nossa meta é transformar Janeiro não só no início de um novo ano, mas também no começo de uma nova era para a saúde mental, onde o bem-estar emocional é tão valorizado quanto o físico, garantindo que todos tenham acesso ao suporte necessário para uma vida plena e significativa.

Tudo é um treinamento! A pergunta é: o que você anda treinando?

 

Se você leu este conteúdo porque acredita que não tem jeito, tenho que lhe dizer a verdade: nenhum problema é tão grave que não tenha solução. Agora, se você começou a ler e está achando que não é para você esse assunto, espere, pois nada é tão bom que não possa melhorar. O livro “Tem Jeito e Vale a Pena” é um conteúdo escrito para auxiliar, ajudar, encorajar, sustentar, conduzir e educar o leitor a ter sentido e qualidade de vida.

Por este motivo, queremos te presentear com um exemplar digital do livro-treinamento “Tem Jeito e Vale a Pena”, para baixar acesse o site www.teenmentors.com.br/tjvp

Acredite, tem jeito e vale a pena!

Cuidar da mente é, sem dúvida, cuidar da vida.  

 

 

Patricia Estrela

Psicóloga, Escritora e Mentora

 

Idealizadora da Missão Teen

61 98133-7899 (somente whatsapp)

@somosmissaoteen

www.missaoteen.com

 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
GDF